24 setembro, 2009

MEDITASSÕES DO JAKIM


Venham lá agora os apoiantes do (des)acordo ortográfico.

"Meus caros considadões, depois de alguns dias de muito impenho em extudos apurfundados sobre a questão dos nessessitados e dos desfavuressidos, que paçarei por fassilidade dexcrita a chamar simpesmente D&N, volto ao vóço cãovivio com mais meditassões e cãosselhos que eu sei voz fazãe muita falta. Aprocçimasse a data da tumada de poçe e cãofeço que ando um bucadinho nervozo. Nada que uma leitura de um númaro da xix não rezolva. Oije um amigo deume a ideia de cãovidar a minhámiga e eis culega Órora Tomaz para minha aceçora na aceçoria que vou fazer ao Purfeçor. Hamanhã vou ter uma runião cu Purfeçor e já lhe vou surjerir este nome já que apezar do dezimprego não tá fássil de arranjar aceçores de cualidade já que a maioria dos cãodidatos nãe sabe uzar um computador na ótica do utilizador. O groço dos espessialistas em équeçel tá na porcuraduria da repúbica a tentar dessifrar a dizquete da pêtê. Hé éça ali az a razão purque o tio Belmiro fez a opa pra pêtê. Uma opa sempre imcobre cualquer coiza. Na minha meditassão de oije quero darvoz maiz umas axegas hás nossões bázicas da minha tioria D&N. E oije vou falar voz dos mais nessessitados. Desde o inissio dos tempos noz sabemos e temos cunhessimento que os guver-nos se priocupam priuritariamente com os mais nessessitados. Como diz o Purfeçor cuando tenta ser culuquial,.... (clicar para continuar a ler)